sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

O SONO DAS ÁGUAS.

Clique nas fotos para ver no tamanho real


"Há uma hora certa,
no meio da noite, uma hora morta,
em que a água dorme.
Todas as águas dormem:
no rio, na lagoa,
no açude, no brejão, nos olhos d’água,
nos grotões fundos.
E quem ficar acordado,
na barranca, a noite inteira,
há de ouvir a cachoeira
parar a queda e o choro,
que a água foi dormir...
Águas claras, barrentas, sonolentas,
todas vão cochilar.
Dormem gotas, caudais, seivas das plantas,
fios brancos, torrentes.
O orvalho sonha
nas placas da folhagem.
E adormece
até a água fervida,
nos copos de cabeceira dos agonizantes...
Mas nem todas dormem, nessa hora
de torpor líquido e inocente.
Muitos hão de estar vigiando,
e chorando, a noite toda,
porque a água dos olhos
nunca tem sono".

- Guimarães Rosa -

22 comentários:

Mundo Animal. disse...

HOLA AMIGO GENIAL LEERTE,QUE DISFRUTES DEL FIN DE SEMANA

CHRISSSSSSSSSSS

angela disse...

Lindas fotos de um mar muito especial. O texto do Guimarães não carece comentar...
beijos

angela disse...

Lindas fotos de um mar muito especial. O texto do Guimarães não carece comentar...
beijos

Sonia Schmorantz disse...

Gosto muito deste poema, devo tê-lo ainda por aqui, fez excelente escolha!
beijos, te amo

Celylua - O blog das Letras disse...

Querido amigo Eduardo, saudades literárias, rsrs.
Fiquei muito feliz com sua visita, suas palavras, e o belíssimo poema deixado por você, do “Mário Quintana” no meu blog.
Agradeço de coração.
Sua filha é muito bonita, parabéns!
Visitar seu belo blog, é sempre encanto aos olhos da minha mente.
Ou seja, os belos poemas, as fotos, tudo é deslumbrante!
Deus abençoe você, e sua família sempre...
Feliz final de semana!
Beijo de poesias.
CelyLua, amiga e fã do seu belo blog.

Felicidades!

SANDRA... disse...

que bello poema Eduardo,besitosss para vossssssssss y muy buenas noches ..

Fumaça Subindo disse...

belas imagens

Maria Valadas disse...

Olá Eduardo,
Obrigada pelo poema que escolheu para partilhar connosco.

Fiquei fascinada com o seu mar...
Mar de sono... Mar de sonho.

Bom final de semana.

Beijo.

Andresa disse...

Ola amigo
Um otimo fnal de semana para ti

Espero que ai esteje tudo iluminado com sol.... Porque aqui só chuva

bjs
ANdres a

Silvia Masc disse...

Adoro Quintana, obrigada pelo presente, e sua filhinha é uma graça.
beijinho

Salete Cardozo Cochinsky disse...

Belíssimas idéias!
De que sono, de que vigília, de que líquidos falamos?
BEIJOS

Sereia disse...

Eu sei muito bem do que o poema fala.
Linda postagem...
Um lindo dia.
Bjssssssssssssssssssssss

Vivian disse...

...que coisa mais linda
de post.
imagens e Guimaraes Rosa
só poderia dar nisso.

um bj, querido!

bonfindi por aí tbm...

Angela Guedes disse...

Oi Eduardo!!!
Que Deus abençoe esse seu dia!
Que onde você colocar suas mãos
prospere... Porque a Graça de Deus
esta sobre sua vida hoje e para sempre!
Desejo que seu final de semana não seja um simples final de semana, mas que seja abençoado e iluminado por nosso Poderoso Deus!
Beijinhos
Ângela

Angela Guedes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marta Vasil disse...

Maravilhosos este poema em que contrasta o sono da água com a vigília dos acordados em que:
"Muitos hão de estar vigiando,
e chorando, a noite toda,
porque a água dos olhos
nunca tem sono".
De imensa ternura também as palavras de Quintana.

Beijinho e fim de semana de muita alegria

Agulheta disse...

Eduardo.
Bela escolha das palavras do sono das águas,elas podem dormir em silêncio da noite em qualquer lugar,mas são a fonte de vida e de lindos poemas,as fotos como sempre muito belas.
Beijinho de amizade bfs
Lisa

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Eduardo,

Vim lhe agradecer o comentário.

Que poesia bonita e sentimental...

Beijos a você, para Sônia, para sua filhinha, mãe e metas... Quem diria, não pensava que já fosse avô...!!

Ana Lúcia.

pauloveras disse...

Que legal esse lugar... Isso pede ferias. E eu to precisando.
Abraços...

Baraçal-press ® disse...

Olá amigo, vim te visitar, apreciar as tuas fotos e este maravilhoso lugar. Pena que não poderei acompanhar o meu amigo Tossan. Fica pra próxima vez. Abraço

gaivota disse...

sim, sim, as águas dormem...
beijinhos

Anita "Menina Flor" disse...

Como essas águas calmas, desejo-te uma ótima semana.

Bjs