quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

SUAVE

Clique nas fotos para ver no tamanho real


Como pura seda,
colo leve pluma,
úmida bruma,
passos macios.
enreda, intriga,
mistério, enigma.
queima tal urtiga.
estranho paradgma.
em forma de mulher.
gestos amenos,
porte pleno.
doces acenos
distantes.
instante de calma;
lava a alma,
enxuga os olhos.
e me diz desconexa:
-não sei porque venho...
mil razões tenho,
um sentimento solitário;
latente, saltando do peito.
que tomou conta de mim.
dura eras, ano.
vai ouvir sempre assim:
vem...
fica;
só porque te amo...

Gustavo Drummond

19 comentários:

Eliana disse...

BOM DIA, Eduardo

"SUAVE"

Que palavra gostosa de sentir.
Viver a vida com suavidade.

Tudo que é suave faz bem a alma.

Lindo post.

Um abençoado dia para todos vocês,
Fiquem com Deus,
Abraços fraternos,

Sonia Schmorantz disse...

Cheguei depois, como sempre, mas me emocionei com este poema, sabia?
beijo, te amo

M@ria disse...

lindo poema Eduardo...Parabéns!

Bom diaaaaaaaaaaaaaaa

Graça disse...

Eita que esse poema é por demais de lindo, Eduardo!!!

Esse amor lindo e suave assim, essa mulher que chega assim e não sabe por que vem...

É delicioso para a alma.

Feliz finde para você e os seus.

Daniel Costa disse...

Eduardo

Adoro poemas com uma toada, ritmados como imprimiu neste Gustavo Drummond.
Abraço
Daniel

direitinho disse...

Mais uma escolha diferente na musicalidade da palavras.
A suavidade e a seda.....
Gostei de ler

RETIRO do ÉDEN disse...

A suavidade devia de ser um bem querer a cultivar nos nosso corações.
Um bom dia, bem "suave" para vós.
Abraço
Mer

{♥Åññä Lµí§ä♥}_L€ØNARÐØ disse...

Bom Dia!
Vim deixar meu carinho e lhe desejar um belo dia e um excelente Final de Semana!

Beijoss fica com Deus!

Rejane disse...

Bom dia Eduardo
Vim te agradecer pela visita e pelas gentis palavras.


Aqui,belos poemas para acalentar a alma.

Paula Raposo disse...

Muito belo poema! As fotos são sempre mágicas.
Beijos.

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Ai, mas que amor mais bonito!
Diga "vem" sempre!

Ela merece =)

Bom dia!

Pelos caminhos da vida. disse...

Abraços significam amor para alguém com quem realmente nos importamos.....
para nossos avós ou nossos vizinhos, ou até mesmo para um ursinho amigo......

Um abraço é algo espantoso... é a forma perfeita de mostrar
o amor que sentimos, mas que palavras não podem dizer.

É engraçado como um simples abraço faz nos sentir bem...
em qualquer lugar ou língua...
É sempre compreendido...
E abraços não precisam de equipamentos, pilhas ou baterias especiais...
É só abrir os braços e o coração...

Guarde este abraço!

Bom fim de semana.

beijooo.

Babi disse...

Fiquei contente com a sua visita e com o seu comentário, volte sempre!

Lindo poema e as fotos são belíssimas! Parabéns!!

poetaeusou . . . disse...

*
o amor á fotografia
com o amor ás palavras.
numa amálgama
de um Eduardo Drummond
com um Gustavo Poisl,
,
Parabéns, amigo,
,
Abraço,
*

Mundo Animal. disse...

HOLAAA EDU GENIAL QUE TENGAS UN BUEN FIN DE SEMANAAA , SALUDOS Y ABRAZOSSS DE TU AMIGO
CHRISTIANNNNN

SANDRA... disse...

Que bello escribes Eduardo,que disfrutes del fin de semana...
besitossssssssssssss

gaivota disse...

não sei se as fotos me deliciam mais se o poema... as duas coisas juntas e suaves!
beijinhos

Radka disse...

Beautiful blog, very beautiful photos, have a nice day Radka.

Nade disse...

Ei, você tá participando da promoção do meu blog?
Corra e inscreva-se, pois ainda dá tempo.
É só clicar no selo no alto da sidebar que o link te leva ao post promocional!
Boa sorte!
Bjs