sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

REGRESSO

Clique nas fotos para ver no tamanho real


Quando eu chegar... Terás o peito aberto
para acolher o amor que em mim perdura?
Para aninhar o que tenho encoberto,
envolto em versos da rima mais pura?

Quando eu chegar... Mas sempre estive perto...
Supri distâncias com minha ternura,
flori, com pranto, o roseiral deserto...
Porém, não viste... Buscas aventura.

E vais de flor em flor, sem ter destino,
teu versejar descreve o descaminho,
teu passo é amargo, de vão peregrino.

Quando eu chegar... Terás serenidade
para me contemplar, além da idade...
E enfim deixar brotar o teu carinho?

Patricia Neme

10 comentários:

Sonhadora disse...

Eduardo
Lindo poema, gostei muito, triste mas belo, fotografias maravilhosas.
Adorei.


Beijinhos
Sonhadora

direitinho disse...

Quando eu chegar....
Soneto de grande sentimento e perfeição
Há no fundo essa esperança do encontro como o desabrochar de uma flor

Sonia Schmorantz disse...

Estão maravilhosas as imagens, a ave pousou de verdade para as fotos, isso eu presenciei!
O poema é lindo também!
beijo, te amo

tossan disse...

Vim essa hora fumar um cigarro e te dizer bom dia, digo, madrugada e que as fotos são preciosas e conheço muito bem a modelo fotografada. Abraço

PS: Só hoje percebi que essa ave tem uma espécie de fio nas costas. Cheguei a pensar que era defeito nas fotos que fiz.

José luis disse...

Grandes y bellas imágenes y un relato geniál, un abrazo, José luis.

RETIRO do ÉDEN disse...

Lindas aves e poema.
Excelente fds. sempre com Deus desejamos.
Abraço
Mer

valvesta disse...

Sim lindas fotos são aves charmosas,perfeito!
Quando eu chegar...
serenidade em esperar...
esperemos por dias melhores,eles viram!

um fim de semana de paz e alegria.

Martinha disse...

E num regresso aos comentários por cá... Desejo-te um bom fim de semana.
Beijo *

HSLO disse...

Adorei as imagens amigo...


abraços

Hugo

REGGINA MOON disse...

Eduardo,

Lindo poema!Bela escolha e tudo por aqui simplesmente divino!

Beijos,
Ótimo Domingo,

Reggina Moon

visite:
www.versidamori.blogspot.com