terça-feira, 9 de março de 2010

NAS PEDRAS TAMBÉM NASCEM FLORES

Clique nas fotos para ver no tamanho real


Deixa que eu passe por aqui meu amor
Quero passear na areia fina e branca que nos viu
Venho ver as pedras no mar onde nasce uma flor
Neste lugar onde nasceu o que o teu coração sentiu.

Não sou aqui um homem indiferente
Nunca me peças o que não sei
Aconteceu um beijo longo de repente
Neste lugar onde agora eu passei.

Escrevo a minha memória hoje lida
Lembro o que me é feliz recordação
Sempre te quis neste lugar querida
Nunca te tirei o meu coração.

Deixa que eu passe por aqui meu amor
Que recorde os beijos ao sol torrado
Serei a voz no mar do mais belo cantor
Que canta o que um homem te tem amado.

http://osaldanossapele2.blogspot.com/

5 comentários:

tossan disse...

Fotos magníficas, principalmente a primeira. Abraço

RETIRO do ÉDEN disse...

Romântico poema, acompanhado de lindas fotos.
Fiquemos com Deus
Forte abraço
Mer

Tatiana disse...

Entendo a sua correria Eduardo!
Bom trabalho!!!

Amei a postagem...muito linda!

Tenha um dia maravilhoso!

Beijos

Maria José disse...

Olá amigo, tudo bem? Obrigada pela visita, volte sempre. Amei a poesia, muito romantico. Bjs no coração.

MARIA L. BÓZOLI disse...

Se de amor são os versos,
despertam carinhos diversos...
Com lindas flores,
falamos de amores,
espalhando seus odores...
Com versos floridos,
curamos amores doloridos...
Receba meus versos com carinho,
ensinando-lhes o caminho
para chegar a seu coração...

(Marcial Salaverry)

Uma noite de Amor e Paz! Agradeço sua visita.
Beijos & Flores! M@ria