sábado, 14 de agosto de 2010

A FADA AZUL

Clique nas fotos para ver no tamanho real


Ela dança as fases da lua
tece vento e o ar rodopia
põe no colo os bichos das ruas
põe no chão quem quer correria
põe as mãos de alguém entre as suas
e é o nascer de um sol, mais um dia
Do aroma rosa da arte
ela extrai a cor da alegria
do lilás do olhar de quem parte
faz o azul de quem ficaria
do vermelho ardor do estandarte
o nascer de um sol, mais um dia
Tem a solidão do poeta
a paixão da chuva tardia
escultora da linha reta
que a luz percorre e esta via
salta do seu olho, é uma seta
o nascer do sol, mais um dia
São brilhos de estrelas na perna
e a noite que a estrela anuncia
a paixão é estranha caverna
quem tem medo e amor já sabia
uma noite nunca é eterna
é o nascer do sol, mais um dia
Ela pisa as ruas do tempo

Oswaldo Montenegro

8 comentários:

Luís Coelho disse...

a paixão é estranha caverna

Bom dia Amigo

Uma boa escolha. As coisas que o amor faz e como somos felizes com ele.

Multiolhares disse...

Achei este poema lindo,cada dia a mais que nos é dado para aprender para amar é mesmo "mais um dia que pisamos a rua do tempo"
As fotos como sempre estão maravilhosas
Bj

Isa disse...

Lindas as fotos!
Belo poema de amor.
Beijo.
isa.

Carmo disse...

Bonito poema e bonitas fotos.
Abraço
Boa semana

Pelos caminhos da vida. disse...

Belissímo conjunto, poema e imagens.

Estava com saudades daqui amigo.

beijooo.

M@ria disse...

"É preciso ter um plano. É preciso imaginar a Terra Prometida e querer ir para lá. O primeiro passo é sonhar. Sem uma meta ninguém faz nada."

(Willian Douglas)

Muita paz na semana que se inicia!
Beijos de coração prá coração!!

Asas que ultrapassam os limites do Sol disse...

Olá casal mais lindo do BLOG,
noooossa! Vocês mostram que amar tem que ser algo EXPRESSADO... Isso é que conta! Bem gostaria mesmo de fazer uma perguntinha, meio bobinha, mas tudo porque não conheço a história de vocês: o blog é do Eduardo e da Sônia, tipo os dois respondem, seguem, postam?
Sei lá por que quando eu falo às vezes me direciono somente para a Sônia e não sei se estou fazendo bem e tal...
Pois é, de qualquer, um abraço e uma semana INSPIRADORA... olhem estou de olho nesse BLOG LINDO!
Hilda Freitas, Belém

JB disse...

Bem, quero urgentemente conhecer essa fada azul!!! :)

Lindíssimo poema! Parabéns!

Abraço