quarta-feira, 23 de março de 2011

ESCUTA MEU AMIGO

A qualquer hora em que chegares,

sentarás comigo à minha mesa.
A qualquer hora em que bateres a minha porta,
o meu coração também se abrirá.
A qualquer hora em que chamares,
eu me apressarei.
A qualquer hora em que vieres,
será o melhor tempo de te receber.
A qualquer hora em que te decidires,
estarei pronto para te seguir.
A qualquer hora em que quiseres beber,
eu irei a fonte.
A qualquer hora em que te alegrares,
eu bendirei ao Senhor.
A qualquer hora em que sorrires,
será mais uma graça que o senhor me concede.
A qualquer hora em que quiseres partir;
eu irei à frente nos caminhos.
A qualquer hora em que caíres,
eu estenderei os braços.
A qualquer hora, em que te cansares,
eu levarei a cruz.
A qualquer hora em que te sentires triste,
eu permanecerei contigo.
A qualquer hora em que te lembrares de mim,
eu acharei a vida mais bela.
A qualquer hora em que partires,
ficarás com a lembrança de uma flor.
A qualquer hora em que voltares,
renovarás todas minhas alegrias.
A qualquer hora que quiseres uma rosa,
eu te darei toda roseira.
Eu te digo tudo isso, porque não posso imaginar
uma amizade que não seja toda,
de todos os instantes e para todo bem.

11 comentários:

tossan® disse...

Ah meu amigo! As 3 fotos são geniais e estas eu estava pertinho e senti este poema que ofertastes para os teus amigos que te amam. Obrigado. Abração

José Ramón disse...

Eduardo que expressão maravilhosa nesta reflexão.
Cumprimentos de criatividade e imaginação fotos de José Ramón

Luís Coelho disse...

Lindo este poema
Em qualquer hora...
Estar sempre amando e com o coração pronto para dar tudo...

LOURO disse...

Oi Eduardo!

Que bela lição de amizade nos dás com este texto...Parabéns pela escolha!!!
Abraço
Lourenço

Luis disse...

Meu Bom Amigo Eduardo,
Três fotografias soberbas e um belíssimo poema.
Como sempre boas escolhas que nos fazem sempre voltar com alegria.
Um forte e amigo abraço.

Sotnas disse...

Olá Eduardo, desejo que tudo esteja bem contigo!
Belíssimas imagens como sempre, e sem ser diferente um belo e ótimo texto pra reflexão, sobre a verdadeira amizade como sentimento, e não apenas palavra dita somente!
Deveras agradável passar por aqui, admirar belas imagens e ler belos e ótimos poemas!
Desejo a você e todos ao redor felicidades infinitas, obrigado pela amizade, grande abraço e até mais!

M@ria disse...

"Quando algo que você goste acabar,
ou simplesmente ir embora,
lembre-se que as folhas do outono
não caem porque querem
e sim porque é chegada a hora".

(Cristian Arza)

Bom FDS! Beijos na alma...M@ria

facemillion.com/excelentess. disse...

WWW.FACEMILLION.COM/EXCELENTESS WWW.FACEMILLION.WS/EXCELENTESS

Carmo disse...

Olá Eduardo,
toda a sua poesia emana amor.
Um abraço
Boa semana

laranjinha disse...

Muito lindo!
Boa semana.
Bjs

Deusa disse...

Olaaaaaaaaa
Sempre as belas imagens que preenchem de encantamento nossos corações!!
Abraço Grandão ...
bjs