quinta-feira, 28 de maio de 2009

ESPERAS


Quando penso em esperas, sempre penso em bancos.
Mas sempre em dois bancos.
Assim como quando penso em solidão,
sempre penso em bancos.
Num banco.
Assim, as minhas esperas são sempre a dois.
A minha solidão, às vezes não foi a um.
Mas poucas.
E já não me lembro. Agora, não.
Agora, quando penso em bancos,
penso em dois bancos.
Sempre. E espero.
Tornei-me numa impaciente
que gosta de esperar.
Se alguém vir alguma contradição nisto
eu posso explicar.
O meu problema está em saber
explicar o que sinto. Enquanto espero.
Ah, o tempo.
Só por acaso o tempo está cinzento.
Quando espero o tempo nunca está.
Nunca dou pelo tempo,
desde que aprendi a esperar.

Isabel Faria

15 comentários:

Sandra disse...

Oi amigo! Agradeço a visita.
O tempo é algo tão precioso. Não podemos deixá-lo fugir.
Sandra.

Luísa disse...

A espera...
Sim, esperar pode não ser pesaroso, desde que o que nos encontra nos faça crescer...
Beijinho terno!

Xana disse...

Que bom que era que podessemos sempre esperar alguém , o pior mesmo é quando estão sentados num banco à espera que passe o tempo , porque não têm ninguém para esperar :(

Bonita escolha ;)
fim de semana com muita companhia e amor OK?
beijooooo

Isa disse...

Meu Amigo,ñ consigo entrar no seu novo blog.
Ma ajude...
Obrigada.
Dia feliz!
Beijo.
isa.

Minha vida em capítulos disse...

Oiee
Tbm Tô seguindo aki, Eduardo.
Obrigada qerido!
Bjão ^^

poetaeusou . . . disse...

*
esperar
é tempo perdido,
atenuado nas palavras
de Isabel Faria,
,
um abraço, deixo,
,
*

Bela disse...

Bonito poema, dá que pensar.

Um beijo de bom fim de semana

C. Camargo disse...

belíssimo blog!

Agulheta disse...

Querido amigo. A espera,é sempre muito dificel,nos conduz à impaciência.Agradeço a visita sempre tão querida.
Beijinho bfs

neide disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
neide disse...

Querido amigo esperar é difícil, eu que o diga... mas esperar meu amor não será tempo perdido.

Eduardo, parabéns pelo novo blog, é lindo!

Tenha um final de semana espetacular.

Bjsss

Silas disse...

Amei o poema, fascinante.
Espero um dia poder escrever coisas belas como essa, porém com um coração nada amargurado e sempre feliz.

Pelos caminhos da vida. disse...

As vezes a espera nos gratifica.

Fim de semana de luz amigo.

beijooo.

Serena Flor disse...

Belíssimo texto e bela escolha!
Um grande beijo e um ótimo fim de semana meu querido!

Marina-Emer disse...

BONITAS FOTOS DE LA FAMILIA...BUEN FIN DE SEMANA...UN ABRAZO
MARINA