sexta-feira, 28 de maio de 2010

ÁGUA NASCENDO

Fiz castelos de areia
sonhos de vento
abri cavernas no mar
construí segredos
teci com teias de luz
as mais delicadas
roupagens
inventei carruagens
adornadas de estrelas
para o dia
em que te encontrasse
e quando te vi
o amor era simples
o amor não pedia
nada mais
do que o milagre
da água nascendo.

Roseana Murray
In Fruta do Ponto
 

7 comentários:

Amor feito Poesia disse...

Seu blog está um sonho meu amigo.
Fico aki a sonhar com esses lugares lindos.....Parabéns!

Beijos poéticos e Bom Fds....M@ria

EU SOU NEGUINHA disse...

Lindo...amei a poesia..
Beijos meu amigo..
Lindo fds

direitinho disse...

Um poema de imagens como um sonho
Castelos de areia e cavernas no mar.
Muito bonito

Carmo disse...

Eduardo é sempre bom passar por aqui. O seu espaço transmita muita paz.

beijinhos e bom fim de semana

Psyamada. disse...

Olá!
Tem um selinho para você lá no meu blog,
espero que você goste; (^_^)
Tenha um bom fim de semana,
Fica com Deus. beijinhos.

Multiolhares disse...

Assim é no verdadeiro amor, nada pede
Bj

tossan® disse...

Esta foto do barco virado é linda! Passamos naquela estradinha onde há uma seta que indica um forte. Lindo poema gostei muito. Abraço